PREF CAXIAS.jpg

Gabinete de Dados
Prefeitura de Caxias do Sul

Objetivo Geral:

Identificar indicadores internos das secretarias associados aos indicadores apresentados pelos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e pelas normas ISO 37120, 37122 e 37123, visando a análise do cumprimento das metas constantes nas peças PPA, LDO e LOA.

 

Objetivos específicos:

a) Analisar dados disponíveis nas secretarias

b) Definir indicadores disponíveis historicamente

c) Analisar indicadores internacionais associados aos indicadores internos

d) Definir indicadores

e) Definir sistema de abastecimento e acompanhamento dos dados

f) Definir metas a partir dos indicadores identificados

g) Desenvolver projeto de acompanhamento dos indicadores de forma sistematizada

h) Apresentar quadro de acompanhamento de indicadores do município

noticia caxias.JPG

https://caxias.rs.gov.br/noticias/2022/05/projeto-de-gestao-por-indicadores-de-caxias-do-sul-recebe-premio-inovacidade 

Caxias do Sul é uma das vencedoras do prêmio Inova Cidade 2022, concedido anualmente pelo Instituto Smart City Business para iniciativas do poder público e de entidades privadas que causem impactos positivos na sociedade. Neste ano, serão premiados 24 projetos. A cerimônia acontece no dia 24 de maio, durante o Smart City Business Brazil Congress, em São Paulo.

Caxias foi destaque pelo projeto “Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) como norteadores da Gestão Pública por Indicadores”. A iniciativa tem como objetivo tornar a administração pública mais transparente e alinhar as metas governamentais com a Agenda 2030 da ONU, e às ISO 37120 (Cidades Sustentáveis), ISO 37122 (Cidades Inteligentes) e ISO 37123 (Cidades Resilientes). Os indicadores serão disponibilizados em uma plataforma aberta e servirão como norte para que o poder público tome decisões.

“Muitos resultados Caxias já tem, mas não estão relacionados aos objetivos planetários do desenvolvimento sustentável. Por exemplo, temos um índice muito bom em relação ao tratamento de esgoto. Isso certamente muito positivo em relação à agenda planetária. E que outros a gente tem? E o que tem a melhorar? Precisamos desse alinhamento. O prêmio foi uma surpresa bem positiva, porque estamos numa etapa inicial, e já houve reconhecimento. É um incentivo, um retorno positivo de que estamos no caminho certo”, resume a vice-prefeita Paula Ioris.

Para a construção dos indicadores, a Prefeitura reuniu servidores com experiência na elaboração do Plano Plurianual (PPA), Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e Lei Orçamentária Anual (LOA) e com especialização em Desenvolvimento Local e ODS, e firmou acordo de cooperação técnica com o grupo de pesquisa City Living Lab (www.citylivinglab.com), da Universidade de Caxias do Sul (UCS), para estruturação e execução do projeto.

 

O grupo de trabalho se reuniu com representantes de diversas secretarias para mapear quais indicadores de ODSs e ISOs impactam direta ou indiretamente os programas desenvolvidos pelas pastas. Além disso, os indicadores foram divididos em quatro categorias: Social, Econômica, Planejamento Urbano e Meio Ambiente; Infraestrutura de Serviços Públicos e Governança.

“Precisamos deixar para a cidade uma marca de gestão, uma marca de tomada de decisão baseada em dados e fatos. O mundo privado já trabalha desta forma há muito tempo. O mundo público precisa avançar. Fala-se tanto em cidades inteligentes, sustentáveis, resilientes. Uma cidade inteligente é que faz investimentos a partir de dados e critérios. Estamos estabelecendo metas, ligadas a indicadores, para que tenhamos dados e critérios para tomada de decisões”, finalizou.